Minha Palestra no FISL11

Para os que têm me escrito pedindo os slides da minha palestra no FISL11, eis-los aqui. Os slides têm um pouco mais do que eu efetivamente apresentei – como eu disse na ocasião, eu sempre levo slides extras pra poder adaptar a apresentação à platéia.

Para quem não esteve lá, eis o resumo executivo: apresentei no último dia do XI Fórum Internacional de Software Livre uma palestra intitulada "Disponibilidade >=99,99% com Virtualização e Gerenciamento de Pacotes", onde mostro como eu e os admins da Tempest combinamos clustering com gerenciamento de pacotes e virtualização não só para se proteger contra falhas de hardware (a razão clássica para se ter clusters redundantes), mas também para obter proteção contra paradas de manutenção e atualização de software – que, a história mostrou, é de longe a razão mais comum. Mostramos como combinando essas duas coisas, conseguimos obter e provar que obtivemos, menos de 50 minutos fora do ar em um período de 12 meses. Fazendo as contas, isso dá uma disponibilidade anualizada >=99,99%.

Eu lamento que a palestra tenha sido muito, muito corrida – eu tentei em apenas 45 minutos compactar material de palestras anteriores que foram planejadas para 2 horas. Só me foi possível fazer as demonstrações graças à sorte e o jogo de cintura do mesário e da organização do FISL – o horário seguinte naquela sala estava vago, de sorte que quem não fosse assistir outra palestra, pode continuar ali assistindo a minha.

Tinha uns slides que eu queria ter tido tempo de discutir. Em particular, tem dois slides perto do final da apresentação, onde comparo o alto custo das soluções "enterprise" de alta disponibilidade ao estilo "catedral" e a nossa abordagem estilo "bazar", com muito menor custo mas que requer bem mais capacitação técnica. Em apresentações anteriores, a audiência sempre dá uma gostosa risada quando vê a loirinha operando a solução milionária.

Aliás, uma outra ressalva: nessa versão que estou disponibilizando aqui, tive de tirar dois slides com os screenshots dos nossos sistemas internos.

Mesmo assim, arrisco-me a afirmar que a audiência aproveitou e, não menos importante, divertiu-se. Só pelo nível das perguntas, ficou claro pra mim que, apesar do assunto altamente técnico, a audiência foi seleta, provavelmente composta de admins experientes.

Talvez o que eu mais goste nessa palestra seja o fato que pelo menos tentamos mostrar exatamente o que significa os "99,99%" – como ele foi medido e calculado, e quais as falhas no próprio sistema de medida, com toda a franqueza. Eu costumo dizer que "não acredito em números que não sei como foram calculados" e por isso quis fazer uma palestra onde os números fossem não apenas críveis, mas os mais convincentes que me fosse possível fazer.

Em última instância, só os que assistiram serão capazes de julgar o quanto acertei e o quanto errei – fiquem à vontade para postar suas impressões na seção de comentários. Para um palestrante, nada mais útil que o feedback de sua audiência, os quais eu agradeço desde já.

Repercussão

Comentários
Aceita-se formatação à la TWiki. HTML e scripts são filtrados. Máximo 15KiB.

 
Enviando... por favor aguarde...
Comentário enviado com suceso -- obrigado.
Ele aparecerá quando os moderadores o aprovarem.
Houve uma falha no envio do formulário!
Deixei uma nota para os admins verificarem o problema.
Perdoe-nos o transtorno. Por favor tente novamente mais tarde.
Flavio Duarte | 2010-08-19 12:46:05 | permalink | topo

Oi Marco, não estou conseguindo acessar o pdf com a apresentação

Marco Carnut | 2010-08-13 15:54:22 | permalink | topo

Sim!

E tem vários outros, tais como:

Creio, porém, que a nossa abordagem vai mais além, discutindo como a virtualização e o gerenciamento de pacotes complementam a solução de clustering para prover alta disponibilidade durante todo o ciclo de desenvolvimento -> homologação -> produção.

Tímido Visitante Anônimo | 2010-08-03 13:01:32 | permalink | topo

Lembra um pouco essa monografia: http://www.ginux.ufla.br/files/mono-WandersonReis.pdf